Arquivo da tag: livro

Livro: Política Nacional de Resíduos Sólidos

O Instituto de Energia e Ambiente da USP, juntamente com o Observatório da Política Nacional de Resíduos Sólidos, publicou o livro Política Nacional de Resíduos Sólidos: Implementação e Monitoramento de Resíduos Urbanos.

A publicação conta com um capítulo entitulado “Indicadores multidimensionais da Política Municipal da Gestão Integrada de resíduos sólidos urbanos das capitais brasileiras: um panorama de 2008 a 2014” e fruto das atividades do grupo. Parabéns aos autores Christian Luiz da Silva, Gabriel Massao Fugii, Alain Hernandez Santoyo, Izabel Biernaski e Ana Paula Myszczuk.

Veja mais dois livros da editora sobre Recursos Hídricos e Governança Ambiental na página: https://www.saneamentobasico.com.br/novos-livros-politicas-ambientais/

Livro do IMAP: Estado, Planejamento e Administração Pública no Brasil

eng-logoEnglish version

O Instituto Municipal de Administração Pública (IMAP) publicou o livro “Estado, Planejamento e Administração Pública no Brasil“, que tem, entre outros, contribuições do professor. Christian Luiz da Silva. Os temas desenvolvidos no livro permeiam nossas linhas de pesquisa:

livro-estado-planejamento-administracao-publica-brasil

  1. Reflexão sobre os Desafios da Administração Pública Brasileira no Século XXI
  2. A Participação Cidadã na Concepção e Avaliação das Políticas Públicas
  3. A Possibilidade de Políticas Públicas Intersetoriais
  4. Espaços Urbanos e Governança Social: Desafios Para Uma Gestão Participativa
  5. Futuro das Cidades
  6. Planejamento Orçamentário
  7. Qual o Estado Necessário para o Brasil do Século XXI?

“Diante da crescente complexidade das demandas cidadãs e da também crescente integração do Município de Curitiba com a sua Região Metropolitana, o IMAP ajuda a pensar, a compreender e a transformar a Administração Pública Municipal. Atua no aprimoramento das metodologias e ferramentas de suporte à governança, no desenvolvimento da estruturação e funcionamento da administração municipal e, por meio da Escola de Administração Pública, capacita os servidores e comunidade para agirem de modo crítico, autônomo e socialmente responsável.”